A IMPORTÂNCIA DE ESTUDAR FREUD

O Grupo de estudos do Freud do ESIPP tem como objetivo revisitar sua teoria através da leitura sugerida por uma coletânea previamente escolhida de seus textos principais, assim divididos em módulos. O funcionamento do grupo se dá de forma continuada e livre para a entrada de novos participantes a qualquer momento.

É imprescindível que os profissionais da clínica que estão fazendo formação em psicanálise se dediquem ao estudo de seu fundador, pois é através de sua teoria que se sustenta a pedra angular do pensamento psicanalítico. É de Freud que se parte para começar a estudar psicanálise e é à ele que se retorna à todo momento.

Freud é portanto, o início, o meio, mas jamais o fim, pois um analista ou um psicoterapeuta de orientação psicanalítica, está em formação continuamente e sempre deverá ser um leitor de Freud, por isso a necessidade de um grupo continuado. Ademais, o legado freudiano admite incontáveis perspectivas de abordagem, a densidade de sua obra impressiona e fascina mesmo os mais veteranos estudiosos, assim como a atualidade de seu pensamento permanece mesmo um século depois. .

Abordar, interrogar e aprofundar estes pontos é a tarefa daqueles que pretendem manter vivo o trabalho de Freud.

“A ciência esmera-se em promover descobertas. Descobrir é desvelar, tirar o véu de algo que já estava lá antes. Uma invenção tem outra natureza: porta inexoravelmente a marca de seu inventor. Por isso, não há psicanálise sem Freud” (Denise Maurano).

Autora: Ângela Blauth, membro associado do ESIPP.